subscrever newsletter

Subscreva a nossa newsletter e receba as novidades em primeira mão

Sucesso!

A sua subscrição foi registada!

Este carro da Hyundai terá condução autónoma

Hyundai Portugal
Por Hyundai Portugal 19 Maio 2020  •  3 Minutos

Com o desenvolvimento contínuo da tecnologia de condução autónoma, o conceito de automóvel tem vindo a mudar. Os carros começaram por ser apenas um meio de transporte, mas tornaram-se num espaço personalizado para ir ao encontro às necessidades e desejos dos condutores.

 

Um dos modelos mais conceituados da Hyundai, o IONIQ, poderá integrar a tecnologia de condução autónoma de nível 4. Descubra a importância da integração desta tecnologia no modelo que oferece três tipos de motorizações eletrificadas.

 

Importância da condução autónoma

 

A condução autónoma está a tornar-se cada vez mais comum e a alterar radicalmente a forma como nos deslocamos do ponto A ao ponto B. Através desta tecnologia inteligente, as viagens vão tornar-se bem mais práticas.

 

Com a mudança de mentalidade, desviando o foco para uma economia de partilha e de soluções de mobilidade descomplicadas, a indústria automóvel está em constante adaptação a este novo paradigma. As marcas, mais do que apenas fabricantes de automóveis, devem ser, também, fornecedores de serviços com soluções integrais, que vão ao encontro das necessidades de todos.

 

Os diferentes níveis de condução autónoma

 

O Hyundai IONIQ já é reconhecido por ser um modelo inovador, por ser o primeiro modelo no mundo a oferecera possibilidade de três motorizações eletrificadas distintas para a mesma carroçaria. Por ser um automóvel tão completo, a Hyundai está a utilizá-lo para testar tecnologias de condução autónoma Nível 4, nas estradas Europeias. No total, são 5 os níveis de condução autónoma que diferentes automóveis podem ter.

 

Nível 0

Os principais sistemas são controlados pelo condutor.

 

Nível 1

Determinados sistemas, como o cruise control ou a travagem automática, poderão ser controlados pelo carro.

 

Nível 2

Pelo menos duas funções automáticas em simultâneo, como a aceleração e a direção, são oferecidas pelo automóvel. Contudo, o condutor deve garantir que são utilizadas em segura.

 

Nível 3

O carro é capaz de monitorizar algumas funções sob determinadas condições, embora o condutor deva assumir o controlo, quando alertado pelo automóvel.

 

Nível 4

O automóvel é totalmente autónomo, em determinados momentos da condução, mas não em todos.

 

Nível 5

O carro é completamente autónomo, em qualquer situação.

Condução autónoma: a tecnologia que permite mais segurança

 

A tecnologia de condução autónoma oferece ainda mais benefícios aos condutores, quando integrada numa infraestrutura adequada. Semáforos inteligentes, que comuniquem com as viaturas autónomas, é apenas um dos muitos exemplos que podem tornar as estradas mais seguras, diminuindo o trânsito.

 

O objetivo do Hyundai IONIQ Autónomo é exatamente esse: manter os sistemas de condução autónoma o mais simples possível. Isto só é possível graças à combinação entre o Cruise Control Inteligente standard, os detetores de ângulo morto, a câmara do assistente de manutenção na faixa de rodagem e a integração da tecnologia LIDAR (Light Detection and Ranging), que permite obter a informação sobre a distância ou outra informação sobre um determinado objeto.

 

A Hyundai é das poucas empresas que já iniciaram o desenvolvimento de viaturas com condução autónoma Nível 4, no segmento C. Em parceria com a Aurora, as duas empresas têm trabalhado no desenvolvimento de tecnologias de condução autónoma, no principal modelo Fuel Cell da marca, o Hyundai NEXO.

 

Com este investimento, as duas entidades acordaram a expansão da pesquisa para ampliar a gama e desenvolver a plataforma ideal para as viaturas autónomas da Hyundai, dando mais um passo na vanguarda mobilidade.

Hyundai Portugal
Hyundai Portugal Pioneira desde 1997 na tecnologia de pilha de combustível, a Hyundai apresentou em 2015 quatro veículos ecológicos diferentes para somar à sua gama ecológica. No final de 2018 a marca sul coreana foi mais longe e desenvolveu a tecnologia mild hybrid 48 volts para as suas motorizações diesel. A Hyundai assume a liderança na ecomobilidade por ser a única marca a disponibilizar ao mercado Europeu cinco tipos de motorizações eletrificadas diferentes, nomeadamente o Hyundai IONIQ nas versões Electric, Plug-in e Hybrid, o Hyundai KAUAI Electric, o NEXO Fuel Cell e o Hyundai Tucson 48 volts. Em 2018 a Hyundai foi a segunda marca mais vendida neste segmento. Até 2025 a Hyundai prevê lançar 44 modelos ecológicos novos, estabelecendo assim um novo recorde na indústria automóvel, entre veículos híbridos, plug-in híbridos, 100% elétricos e fuel cell.
Hyundai Kauai Elétrico

Carros elétricos: preço, modelos e tecnologias explicadas

Por Hyundai Portugal
TIGER da Hyundai no espaço

TIGER: Conheça o veículo da Hyundai que quer chegar ao espaço

Por Hyundai Portugal
hyundai kauai a carregar

Mild hybrid vs diesel: o que saber sobre estas tecnologias

Por Ekonomista

Concept EV Prophecy: o futuro dos elétricos da Hyundai

Por Hyundai Portugal
Utilizador de tecnologia de realidade virtual

Como usar a realidade virtual no fabrico de carros?

Por Hyundai Portugal
Aplicação EDP EV.X para veículos elétricos

EDP EV.X – A aplicação que simula a utilização de um veículo elétrico

Por EDP
Taxi aéreo Hyundai

Primeiro táxi aéreo será 100% elétrico

Por Hyundai Portugal
Top